Quarta-feira, 8 de Julho de 2020
MAIANGA . XXIII
“TAMBULA CONTA” com falas antigas
- ZECA FOI NOS POEIRA … Ontem mesmo telefonou! Anda confusionado – 05.07.2020
As falas do ZÈ SANTOS MAMOEIRO, têem um reco-reco; Senhor dum Ford V8 tem balanço de DKV...
. Crónica 3038
Por 

tonito 20.jpgT´Chingange - No Sul do M´Puto

zeca00.jpgZeca, José Santos - No Mukifo dos M´Puto

zeca01.jpegDisse a ele na primeiríssima pessoa: Tu, Zeca, surpreendes-me irradiando uma sabedoria e compreensão desconhecidas. Tens a liberdade no coração, na mente e no espírito e, eu vou utilizar tuas malambas, tuas falas para manter N´zambi nosso Mwata. Catravês, assim mesmo nos conformes - Tambula: Topei, delirei, sonhei…“UM SONHO ESTRIDULADO… na tua N´janena ”, mas fui apanhado na rusga sem documentos. O tuje do cipaio levou-me na pildra e a mukanda que tinha para o meu kamba, o mundele m´Fumo M´bika sundiameno mesmo, chefe, tirou! Filho da caixa, mesmo…

E, disse-me que conhecia um soba com o teu nome na libata de Nambuangongo. Abri o meu Samsung para mostrar os meus documentos, mas o tuje do chefe besugo disse: ”Só te liberto com os papel na mão, esse mambo dos tecnológicos dos computador, é mambo dos filme dos Ovni, num tem a impressão digital tirada nos tinta preto nos covinha no BI do Palácio da Cidade Alta.

caricocos.jpg Também mostrei o meu cartão de residência da polícia da esquadra da rua Comte Correia da Silva, mas logo berrou, caté os mabuje do peito dele saltaram, dizendo que não era eu, esses mambo há muito caducou quando a bandeira dançou no novo mastro feito de chinguiço das Mabubas… Eu, bué implorei, até mostrei maço de AC, mas ele recusou dizendo que só fumava CARICOCOS com cheirinho a café Arábica da Gabela ou então DELFIM das baronas m´boas do M´Bambi, mas só quando estava com makueka.

O mwadié, berrou de novo, mandadou-me despir todinho mesmo, para ver se tinha na kubata dos matubas diamba, que topei, que catrapiscou para o cipaio porque ambos fumavam com umas Cucas e uns pratinhos de jinguba do Álvaro… Háka! O sacrista botou as mãos para afastar o “capim”, mas tropeçou por querer nas mudanças do meu Ford V8, ué, chiou nas mudança… No final, mandou-me para a esteira loando cheia de ávilos-de-mil-patas que batukavam minha chegada.

zeca soba auxiliar.jpg Por isso nada te enviei e juro mesmo, sangue de Cristo, que este mambo é verdadeiro k kamba maianguista AM (T’Chingange). Desculpa a longa mukanda 1+1, mas é pratinho kitetas com molhinho de jindungo do Mandarim da Ilha de Loanda. ZECA2014022621H25NMK - Fim da conversa de chat.

Nota explicativa do Soba, JE: Pópilas, mazé, este kandengue da Caope trouxe ávilos-de-mil-patas do BO para a Maianga onde viveu como um catete voando, voando pelo capim e agora tá abusar cus poeira chefe-dos-posto. Só tá mesmo me cuspir nas mata de minha vida; se tá vanguardiar das memória que tem o sangue do tempo.

ZECA MAMOEIRO.jpg Esse kandengue, mais tarde bazou da Vila Alice com uma carrinha com tudo empilhado àtoa (dois andares) caté parecia uma canoa; recebeu uma big bazucada, monacaxito dos M via Fla no trigésimo dia em que já lá não estava, ai-iu-ué!

Como é monacaxito, te ofereceram um barco. Pois… N’Zambi avisou-o para bazar naquele um dia, porque nos vinteenove dias contou bazucadas. Fez mesmo colecção desses monas e juntou-os nas imbambas do tunda-a-mujila. Bazaran só mesmo sem querer; caté parece que é uma estória de faz-de-conta mas, Noé!

tonito11.jpg Hoje que penso muito e rezo pouco, lembro só os tempos em que ninguém, mesmo dando pontos sem nó, descobriam ali segredos de nos capins de seus corpos acariciando-os com curiosidade, averiguando falas de sacristia que ninguém mesmo sabia na certidão afirmativa; ai Jesus, credo, que Deus nos ajude, falavam nossas mães. Naqueles tempos, mesmo sem crise, íamos crismando vergonhas de pobre e, havia muitos, muito mais que agora.

Hoje a pobreza será outra, a das pessoas arruinadas porque perderam seu perfil e, agora são obrigadas a aparentar o que não têem; tudo por força da crise e roubos subtraídos pela lei do governo, outra vez a velha lei. Creiam… Isto vai continuar como sempre foi, uma merda, porque a Rua Direita ainda anda torta?
Kandandus...
do Soba T´Chingange


PUBLICADO POR kimbolagoa às 11:38
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

CAZUMBI . LX

NO MEIO DA ANHARA - rodeado de mabecos com vontade de me filar o dente, AVANÇO MEU RELÓGIO NA MARCHA 3, COM UM DIA DE 72 HORASDança com mabecos!

Crónica 3037 - Kizomba:06.07.2020; Kimbo: 08.07.2020

Por

soba002.jpg T´Chingange - No Sul do M´Puto

4 DE JUNHO.jpg Só é mais uma estória, nada mais. Comi biltong de gnu, de boi ou vaca e olongo, e bebi suco de goiaba e massala de Moçambique. Percorri o meu caminho com gente chegando e partindo dizendo good morning; missangas de vida com malas e gente de galões a laurear pelo mundo; De Kimberley segui no comboio azul, sem fumaça, rasgando trópicos rumo ora ao Sul, ora ao Norte.

Com uma Mp3 colocado nas orelhas ouço o Jake Rumba e Dog Murras, rasgando também vontade de vencer mais um dia – Um dia de cada vez para não serem demasiados, dançando o Kuduro com uma pacaça …Aiué. A pacaça estava ali, raspando raiva só átoa e, eu embebido em maravilhas da kizomba enfiado nessa tal Mp3 Huawei.

soba1.jpg Eu, que em tempos, furei um embondeiro com a mente, pensei a partir daí que o cazumbi estava do meu lado – isso! Foi assim que do nada, surgiu a força de muitos urros. Os mabecos deram à sola e fiquei só, num descampado, loucamente inebriado na minha pequenez…

Esta embriaguez de fala, é só para dizer que o Soba, tem a mordacidade às vezes turva da verdade, e por isso banha-se nas águas tépidas dum lugar longínquo para espairecer. Já sem cabelo, rapo o que resta até ficar zero. Vejo-me no espelho e faço gaifonas com as rugas enquadradas num tempo de, nem sempre alegres, nem sempre tristes.  

 t´chingange 0.jpgDispo-me de calor e desabotoo meu único botão da balalaika do umbigo– sim! Minha balalaika tem só um; calço sandálias e piso os ladrilhos de esperança dum azul-turquesa na mistura de cinza-cacimbo matinal a ver as manhas tranquilas. Rego minhas hortenses e os tomateiros que não há maneira de dar tomates, nem sei porquê. Venho ao computador ocupar o tempo, ler poemas, reler baladas e muitas tretas…

Tretas de fazer caretas; também ouvir cantigas, ler desaforos, coisas choradas, lamuriadas, cânticos humedecidos, vídeos foleiros, e num repente vou à China comer grilos e gafanhotos. Hoje mesmo, vou-me ensinando a ser gente tomando aqui e acolá, por onde calha, o saber dos mais sábios para ficar esperto. Nem sempre homem, nem sempre jovem, já mais velho, nos intervalos, aprendo a aprender a ser grande.

soba001.jpg Esmiúço os tempos para saber a verdadeira razão dos paradoxos e dos fúteis caprichos de poder. Sim! Neste mato de capim tombado pelo vento tiro aqui e ali umas fotos sem pau de selfie. Tudo para dizer que ando fugindo do tal de vírus COVID fazendo anos três vezes ao ano. Somo agora setenta e cinco vezes três, que dá exactamente duzentos e vinte e cinco anos – Pode!?

Assim, prescrevendo o bicho relevo-o como o tal de mabeco. Torna-se necessário mantermo-nos atentos a novas tentativas de oferecer soluções a problemas. Problemas de cujas causas sociais viram económicas na interacção entre grupos – grupos que não podem ser reduzidos a uma questão de “competição” ou selecção biológica… Bairros de casas, barracas e anexos encavalitados, formando uma malha labiríntica apertada com muita agente.

NIASSALÂNDIA1.png Teci-me na linha dum destino só meu. Criei a teoria do esquecimento, burilei-me nela e desconsegui. Voo entre nuvens turbinadas de aspiração, compulsão e impulsão, vida de cão. Obrigado a mim, a ti e a tu também (o ti é um, o tu é um outro). Obrigado, principalmente a Ele, Nosso Senhor, meu tio que se chamava José. No calor do Sul do M´Puto, com sol de Julho, ventos rodopiando nas horas, fazendo tufos de capim como aqueles da savana, marés longas de vontades alheias e um bafo quente…

tonito18.jpg Aqui estou numa espera do John Wayne, meu companheiro do Cine Colonial da Luua, tentando a custo interpretar o Islão. Eu, nasci a 4 de Junho de 1945; O facebook inventou que o T´Chingange dos elefantes nascia a 5 de Julho, Recebi parabéns e agora, sinto-me constrangido a desmentir aqueles e estes, meus kambas – Por isso, terei de agradecer pela segunda vez meu renascimento! Pelo que disse, terei mais um outro este ano; Só posso dizer obrigado! Vou fazer mais o quê, se sou apenas um robot…  

O Soba T´Chingange



PUBLICADO POR kimbolagoa às 11:01
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Agosto 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds