Sexta-feira, 24 de Junho de 2011
BRASIL EM 3 PENADAS . XIX

{#emotions_dlg.xa} FÁBRICA DE LETRAS DO KIMBO

           "Os Tugas brazucas" - 5ª Parte

 Contrastes do Brasil
Alguns destes portugueses seguiram a trilha dos ex-escravos nas explorações agrícolas do Brasil, e viviam pobremente e sem felicidade, de acordo com o Primeiro Inquérito Parlamentar sobre Emigração, de 1873. Porém, muitos daqueles portugueses que se dedicaram a pequenos estabelecimentos comerciais nas cidades, como no Rio de Janeiro e em São Paulo, fizeram verdadeiras fortunas. Esta emigração foi tão acentuada que na região do Minho a maioria da população teve ou tem um avô ou bisavô no Brasil, assim como tios, padrinhos, enfim, cada família teve ou tem ainda hoje algum emigrado no Brasil. O “brasileiro”, nome dado ao emigrante que regressa a Portugal, trazia verdadeira fortuna e chegado à sua terra construía uma casa luxuosa, também conhecida por “chalé”, na qual procurava ostentar o seu perfil de homem rico. Estas casas vão sobressair na arquitectura das terras, porque são grandes, vistosas, de amplas e muitas janelas, varandas, geralmente com clarabóias no interior da casa e uma palmeira no jardim.

 O Gosto pela cachaça

Casas que contrastavam com as casas portuguesas existentes. A influência destes “brasileiros” na sua terra portuguesa é notória, não só pelas casas como também pelas avultadas ofertas para construção e obras da igreja, subsídios para outras benfeitorias e ajudas a familiares, juntando-se em alguns casos uma certa prosperidade que incutem na economia local. Com frequência adquirem antigos conventos. Estes emigrantes não vinham cultivados, no sentido científico e erudito, pois a vida no Brasil era o trabalho, mas muitos deles já com uns horizontes mais largos que os seus compatriotas - viveram noutros mundos, e, por isso, são mais conhecedores, como nos relata Júlio Dinis nos seus romances. São os nossos escritores do século XIX que criam a imagem jocosa do “brasileiro torna-viagem”, bem característica na maneira de vestir, de falar e de ostentar riqueza.

 A Aldeia na volta
Apesar de por volta de meados do séc. XX a grande maioria da emigração portuguesa seguir rotas europeias, o Brasil nunca deixou de ser terra para emigrantes portugueses e, principalmente após a independência de Angola em 1975; Estes novos emigrantes enriquecem a sociedade Brasileira por terem trazido com eles a partilha de vivências e novos conceitos por via também de terem uma cultura acima da média.  Sempre permaneceu um certo intercâmbio entre descendentes da primeira geração de emigrantes “brasileiros” e os familiares que viviam e vivem deste lado do oceano Atlântico. Só que agora, geralmente, os filhos dessa emigração optam por viverem no Brasil, fazendo várias visitas ao país de origem dos seus antepassados, ficando admirados com a evolução que a terra lusa sofreu, desvirtualizando positivamente um pouco a imagem do país contada pelos pais e avós. O filho do “brasileiro” de hoje geralmente é culto, e em alguns ainda paira a ideia de tornar melhor a sua terra portuguesa.

Dados de Manuela Gama & José Gama da Faculdade de Filosofia UCP - Braga

(continua...)

O Soba T´Chingange



PUBLICADO POR kimbolagoa às 14:02
LINK DO POST | ADICIONAR AOS FAVORITOS

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Maio 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15

18
19
22
23

24
25
26
27
28
29
30



MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds