Terça-feira, 13 de Setembro de 2011
KIANDA . XVII

{#emotions_dlg.xa}FÁBRICA DE LETRAS DO KIMBO

"MUSSENDO DO FÓRUM CRYPTON - 1ª Parte" . Em Washington com JANUÁRIO PIETER*

 Mucubais perto do Crypton . Neves e Sousa
O “Fórum Crypton” ficava no meio de uma densa floresta; um edifício na forma de pirâmide quadrada rodeada de altos plátanos. Dentro, num espaço único na forma de labirinto, seguimos um corredor que visto de cima deveria parecer um estrela de David; taipais corridos com a altura de dois metros dividiam compartimentos menores, todos eles com muitos computadores alinhados; nestes, havia gente teclando máquinas ao som de uma suave música de fundo; a luz ténue carmim rebrilhava teclas com símbolos criptados. A mesma luz carmim dava um aveludado contorno às pessoas de áurea fosforescente. Sentia-se o ar frio e seco a arranhar pulmões, em realidade, era um ambiente de extraordinária estranheza. Enquanto isto Pieter foi-me dizendo: - Aqui, estuda-se o potencial oculto da mente humana, são novas ciências místicas de noética, cargas em sobrefusão para fotografar mãos de um praticante que cura pela fé, tal como Jesus curava os doentes.

 Força da Mão

Eu só fiz um aceno com a cabeça dando indicação de estar a acompanhar tal explicação pelo que continuou: O projecto de transferência de campos energéticos, e principalmente através da ponta dos dedos de forma a alterar a composição celular de um paciente, está em curso; toda esta gente tenta decifrar esse poder divino; as grandes mudanças filosóficas da história começaram sempre com uma ideia ousada, conclui Januário bem na hora de chegarmos ao salão grande. Ali, naquele espaço a que chamavam “templo”, encontrava-se gente de vestes estranhas falando de forma suave; em grupos acocoravam-se em sofás com forma de rochas parecendo por isso, um tanto duros. Pieter levou-me até ao conjunto de penedos em pano de camurça a conferir com as rochas magmáticas que compunham a parede que se perdia em altura na áurea da tal luz carmim uniforme e, aonde já se encontrava um sujeito, que vim a saber depois ser o nosso principal interlocutor do momento.

Esoterismo

Foi este sujeito, para lá da meia-idade, cabelos, bigode e barbas brancas com uma testa larga e saliente e olhos vivaços de curiosidade, que Januário Pieter me apresentou: - Este é o senhor Rasputim Feliz um meu amigo de há velhos tempos, com quem debato frequentemente ideias que para gentes comuns são bruxarias ou coisas esotéricas; um desconhecido mundo da maioria dos mortais. Apertei a grande mão nodosa de Feliz e, senti que era um homem do campo pelo calejado e, ali ficamos trocando umas primeiras falas, coisas passadas em Vilar de Perdizes, seus encontros anuais com gente carregada de poderes do além, curandeiros de manchas e chagas expostas. E, também com massagens e pedras preciosas, entremeando cultos de rezas e resmungos indecifráveis, ervas purgativas, depurativas, laxantes e regeneradoras; bruxas e magos com charlatães à mistura. Muitas e variadas ervas remetendo ao corpo as propriedades da terra mãe. Aquele homem parecia ter o condão de curar só pelo olhar intenso. Veio da Alemanha do Leste perseguido por suas crenças, encontrando paz de espírito nas encostas graníticas da Serra da Estrela. A tranquilidade que tanto procurava encontrou-a ali na companhia de um aldeão lavrador de charrua que lhe ofereceu guarida em sua modesta casa; uma granítica casa de pedra sobre pedra guarnecida de uma pesada e grossa porta de carvalho segura por uma simples tranca. O aldeão repetidamente dizia-lhe: - Se gostas do amanho da terra vais ser um homem feliz. Foi assim que adquiriu o nome de Feliz fazendo em cada dia, tudo, para tal alcançar.

*Januário Pieter: - Um personagem amigo, um sábio que me assiste e complementa conhecimentos...Um fantasma feito guia Kalunga; o homem que nasce da morte metaforizada com mais de 300 anos (386 anos para ser exacto - Ver crónica de Kwanza e os Mafulos de 22de Julho de 2009).

Glossário: - mussendo: estória contada com foro de lenda ou imaginada; descrição de ocorrências num tempo sem escrita.

(Continua...)

O Soba T´Chingange



PUBLICADO POR kimbolagoa às 22:40
LINK DO POST | ADICIONAR AOS FAVORITOS

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Maio 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15

18
19
22
23

24
25
26
27
28
29
30



MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds