Domingo, 17 de Fevereiro de 2013
MOKANDA DA LUUA . X

ANGOLA - FLORES DE ACÁCIA PARA MATILDE1ª de 2 Partes

Por
  Dy – Dionísio  de Sousa (Reis Vissapa) 

Uma homenagem a uma das mais belas cidades de Angola e à ternura dos amores adolescentes - LOBITO

 Aquela paixão germinou sob uma palmeira na Baía do Lobito. De manhãzinha cedo lá ia eu para aquele lugar paradisíaco construído por Deus num momento de inspiração sublime. Um espelho de água deslumbrante abria-se perante os meus olhos. Até mesmo as calemas que esporadicamente martirizavam a estreita língua de terra do lado do mar alto, perdiam a sua ferocidade na ponta da restinga tranquilizando-se com a quietude das águas da baía. Calcorreava as areias refrescadas pelas temperaturas baixas da madrugada, colhendo conchas e búzios empurrados pela maré para a praia e encostava estes últimos às orelhas para ouvir os murmúrios do mar. As primeiras jangadas com os mastros inclinados e as velas emprenhadas pelas brisas matutinas faziam-se à faina fazendo lembrar um bando de pelicanos rasando a água. Na imensa baía os vapores mugiam as suas sirenes avisando da sua presença. O sol despontava no Compão e recortava-lhes as silhuetas dourando a água em seu redor. Como tartarugas gigantes os enormes cargueiros com nomes feiticeiros de terras longínquas ronronavam acostados ao cais aguardando que os esguios guindastes começassem a resolver-lhes as entranhas retirando cargas preciosas e colocando no seu lugar lingotes de cobre vindos da Rodésia distante. O cheiro a alcatrão e maresia penetrava-me as narinas e fazia-me sonhar aventuras mirabolantes noutros lugares e então navegava o mundo no convés de paquetes com estandartes estranhos. 

  Um enorme bloco de betão esverdeado pelas águas jazia adornado no meio da água e as gaivotas, os garajaus e os maçaricos tinham-no transformado no seu lar, substituindo a tripulação alemã daquele navio de guerra invulgar, que o abandonara ali ferido e agonizante. De regresso à minha palmeira preferida refastelava-me na areia morna e alternava os mergulhos na água tépida com o sol e a sombra. Contemplava os candengues brincando de futebol com uma bola de meia na areia molhada, enquanto outros lançavam as linhas de pesca nas águas tranquilas roubando-lhes peixes prateados que ficavam a estrebuchar na praia. Volta e meia maçaricos e garajaus mergulhavam em flecha na baía e emergiam com a mesma velocidade carregando no bico as suas vítimas, que transportavam para longe, para o lado dos morros onde se podia lobrigar a espuma alva resultante do fustigar das ondas nos seus costados.

   O entardecer aproximava-se quando um dia ela apareceu tímida como uma gazela que vai beber ao charco. Os negros olhos contemplando a quietude da baía e as pernas elegantes, cor canela contrastando a areia pálida. Uma saia de chita vermelha cobria-lhe as ancas roliças e o colo esguio emergia de uma blusa branca. Caminhava com a alegria de um passarinho deixando atrás de si um rasto de pezinhos delicados marcados na areia. De vez quando apanhava um seixo e atirava-o á água, rodopiando como uma bailarina sobre si própria. Os candengues olharam-na sorridentes enquanto caminhou até á ponta da restinga e no regresso passou por mim sem dar sinal de ter dado pela minha presença. O sol moldava-lhe os contornos quando se perdeu ao longe por entre as casuarinas e as palmeiras.

As escolhas do

Soba T´Chingange



PUBLICADO POR kimbolagoa às 01:35
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
19
20
21
23

24
25
26
27
28
29
30


MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
CONTADOR
contador free
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds