Domingo, 10 de Novembro de 2013
MALAMBAS . V III

LUFADAS DE SUSPIROS ... Cidadão do Mundo.
MALAMBA: É a palavra.

Por

   

Eu, até que gostava ser impetuoso, pândego e até briguento mas, examinando-me à lupa por todos os lados; descobri que teimo em cultivar uma tristeza crepuscular, um solitário dado à inquietude de natureza agreste com silêncios imensuráveis e grandes espaços; para afastar a pouca sorte, plantei citronela de java e arruda no meu quintal, para afastar mosquitos e bruxas. Às vezes rezo, mas com certeza faço-o sem a intensidade e perseverança suficientes para mudar as coisas que me desagradam. O salalé do rancor de coisas passadas, sucedem-se mais do que as minhas boas intenções, tornando-me um quase vagabundo solitário com ideias diabólicas; raízes que brotam tumores maléficos em meu cérebro.

  Sabendo que o amor é um contracto livre que se inicia numa faísca podendo terminar da mesma forma, mantenho o veneno subtil do despeito, sem conseguir visualizar a possível malvadez de meu despeito. A determinada altura do curso de minha vida, comecei essa tarefa odiosa de analisar os ciúmes alheios com comportamentos de ganhar garras e, a pretexto de atenções perversas, acautelei-me das gentes com cicatrizes morais. Essas cicatrizes de queimar a mente, nunca se apagaram na totalidade dos casos e, sinto às vezes queimaduras que não sendo brutais marcam sentimentos.

Quando alguém próximo, como um cata-vento muda de atitude, ou tenta induzir-me a outros conceitos de que eu não imaginava por princípio, leva-me a frustrações numa primeira instância. Controlando a pura e nefasta raiva, entro no desconsolo tentando compreender o quanto a minha primeira análise estava cega; por vezes sinto por premonição que isso vai acontecer e resguardo-me num casulo por, supostamente, ficar desapontado. Para evitar enxaquecas, saio por aí de fisga no bolso para matar calangos sarapintados de coisa ruim.

O Soba T´Chingange 



PUBLICADO POR kimbolagoa às 00:23
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

1 comentário:
De ze raminhos a 10 de Novembro de 2013 às 06:44
Todos esses sentimentos que estão sobre a tua mente, seriam faceis de serem varridos de uma vez por todas.
Meu estimado raivas raivinhas e ódios acalentei durante anos; maus tratos familiares, despreso, familiares desejando ardentemente que na vida só seria um desgraçado sem eira nem beira, lançando sobre mim todas as pragas que lhes vinham á cabeça.E isto porque na realidade eu era um desgraçado onde não tinha onde reclinar a minha cabeça como Jesus. Dormia por vezes na rua debaixo de uma figueira, comia figos e algumas papas de milho que outros mais generosos me davam. Casei tive filhos, e um dia sem eu o desejar, encontrei a perôla mais preciosa que poderia ter encontrado. Aprendi que só através do perdão ficaria livre de todo o ódio que me acompanhou a vida durante 32 anos. Logo contactei com aqueles que me ofenderam a vida de jovem, quando eu não tinha pai nem mãe, esta a razão do despreso...dizia eu, fiz uma visita, e logo os mesmos envergonhados me disseram porque os visitava? a minha resposta foi que os amava. Fiquei livre diante de Deus, para hoje adorá-lo glorificá-lo, amá-lo com todas as minhas forças, pois sei que ele está comigo. Entendi mais tarde que foi Ele que me induzio a perdoar todos aqueles que intentarem mal contra mim. Agora sim seu que Ele Jesus responde por mim, é Ele que me justifica.Isto tu já conheces, pois muitas vezes compartilhamos a vida de cada um. Faço apenas lembrança, na experânça de o meu amigo, entregar todas as suas opressões, cansaços, mentiras, desprezos, e outras coisas mais, nas mãos de Deus. Nós nunca iremos mudar este mundo, logo morreremos de raiva, nessa me livrei eu.Jesus disse: Vós que estáis cansados e oprimidos vinde a mim, e encontrareis descanso para as vossas almas. Pois que o meu jugo é leve. Será que Deus é mentiroso? Não! eu tenho a prova disso. A paz de Deus para ti amigo Monteiro..


COMENTAR POST

Maio 2024
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Maio 2024

Abril 2024

Março 2024

Fevereiro 2024

Janeiro 2024

Dezembro 2023

Novembro 2023

Outubro 2023

Setembro 2023

Agosto 2023

Julho 2023

Junho 2023

Maio 2023

Abril 2023

Março 2023

Fevereiro 2023

Janeiro 2023

Dezembro 2022

Novembro 2022

Outubro 2022

Setembro 2022

Agosto 2022

Julho 2022

Junho 2022

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
blogs SAPO
subscrever feeds
Em destaque no SAPO Blogs
pub