Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009
O FADO DO ILÍDIO

 O FADO ALEXANDRINO

DO ANTÓNIO LOBO ANTUNES

Loja de lembranças obtusas.

Os artigos desta loja não estão à venda, são conversas velhas. Oferecem-se!

 

É uma entrecortada estória de militares regressados das colónias e falam aos soluços de coisas passadas e pensadas entre o ontem e o amanhã, num e outro lado do império colonial. O relator que muito admiro, de nome Antunes, salta do dorso de um cavalo para o painel dum transatlântico voador, uma nave interstelar que raspa as nuvens com arrepios chiados dum  metal frio do antárquico profundo. Mudando mobilias,...Pópilas!

As conversas misturam-se com fraldas, amores, chulos, paneleiros e putas tendo sempre presente o senhor ilídio com uma bomba para a asma, sempre omnipresente.

 As minudências descritivas arrepiam os pelos da púbis num desespero picuínhas e, sucedem-se os intervalos na leitura. Há que compreender o embrulho de rolos difusos e controlar a vontade para não lança-lo ao charco; o livro, claro!

O fado, é demasiado absorvente, impregnado de realidades, saudades e sonhos. Tudo junto, como um ramo de flores que contenta amores e bajula a alma dum qualquer defunto. O Bairro Alto de Lisboa aparece sempre, aqui e além, aliado ao Camões do Chiado e às sobre-vivências prósperas de Lisboa. Vamos acompanhar o Ilídio no relato do autor:

 

“Ilídio com a sua bomba para a asma esquecida na mão, contempla a sua flor com ferozes olhinhos derrotado, uma saia, um casaco de malha, um corpo vagamente familiar, vagamente íntimo. A Arlete?... pensou, mas esta era mais alta e mais forte do que a Arlete, mais mal vestida também. A Arlete não, contornos de  um rosto que a claridade excessiva dissolvia, ombros roídos pela luz, um cacho de formas minúsculas agitando-se em redor. Aposto que é a Clotilde e os seus eternos cães tinhosos, as dúzias de rafeiros coxos que a acompanham sempre, lambendo-lhes as varizes numa submissão apaixonada, e a cinco metros mechas de cabelos por pentear, chinelos, dedos povoados de verrugas. Uma cara, percebe, parecida com a minha irmã uqe me fitava sem sorrir. A Clotilde uma ova, (...) os cachorros da Clotilde o tanas, um monte de garotos escuros, de membros fuínhas, agarrados às pernas estragadas,(...)

 

Continua!

 “Não conheço um preto que não seja um sacana rematado”, avisou o Alferes. Meto os tomates num cepo em como se amigou com uma fedúncia ranhosa num desses bairros de lata de franja de Lisboa. Cabanas de madeira e de zinco om pedras e pneus usados no telhado, lama, um fedor espesso de porcaria, de comida azeda e de excrementos, negras idosas, de cachimbos nas gengiva, atiçando fogareiros de barro, cortininhas de plástico, lamparinas no meio de caixotes e panelas: - Andei quase uma semana (...) à procura do tipo em Alcântara, em Benfica, na Amadora, no Casal Ventoso, em Algés, esmagando cagalhões com as solas, tropeçando em calhaus, afundando-nos cada vez mais num labirinto concêntrico de lixo e construções precárias, habitado de berros, de latidos, de cachorros,...”

 

 Com tal solidez absorvente de escrita e minúcia na descrição,... a cada três páginas   à que respirar, tomar folgo para mais tarde prosseguir. É sem sombra de dúvidas a minha escolha para o futuro prémio Nobel da literatura. Tomara!

 

O Soba T´Chingange

 



PUBLICADO POR kimbolagoa às 01:00
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
CONTADOR
contador free
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds