Domingo, 13 de Dezembro de 2015
MOKANDA DO SOBA . LXXXVI

CINZAS DO TEMPOTento aprender a viver com o vazio das coisas … Fui para longe, no tempo, para ver bem os recantos que não podem ser vistos de perto… III

t´chingange 0.jpgT´Chingange

harlei.jpg Hoje era suposto descrever sucintamente as estórias de Monangamba do Zeca Kafundanga, meu irmão preto saído de Cassoalála, mas ainda não encontrei as mentiras certas para contornar verdades e, sem meter resíduos de pólvora; os tempos eram muito de periclitantes com mona-caxitos saídos do paralém de Kassoneca e Kifangondo, coisas de kwata-kwata de gwetas para o M´puto. Todos nós em dado momento de nossas vidas fomos no mínimo, donos de um instante; já fomos loucos o suficiente para sentirmos as rugas das estradas e falarmos em liberdade na forma de discutir carburadores, pistões e velas de ignição.

sachs.jpg Nessas antigas conversas uma corrente dentada era um pedaço de ilusão terminada nas cremalheiras de elos em forma de futuros sonhos. Foram tempos desafiadores em conhecimentos de escapes com espírito motorizado de humilhar motores; tempos de ciências com centímetros cúbicos de cilindrada de filosofias de Famel XF-19, de zundappes, nsus e kavasakis, tempos de muito n´guzu.

puch 2.jpg Na falta de tino, riamos às gargalhadas dos perigos inaceitáveis vindos de polícias agigantados com calças nazis de balão lateral montando Harley Davidson. Falando todos ao mesmo tempo especulávamos sem teimas esclarecidas, comentando mujimbos decapitados no diz-que-diz. O mundo era nosso, enfim! Estes fedelhos candengues cresceram, cada qual para seu lado estudaram e casaram, tiveram filhos, emigraram, fugiram e num ir e vir por aí fiaram na diáspora sentados em sofás de napa, cabedal ou veludo.

amilcar4.jpg Mais velhos, reconsideraram quando lhes passou a tal irritação de orgulho quando já era tarde demais, que afinal não se conheciam as esperanças que tinham; que talvez estivessem convencidos que estariam melhor por lá naquele fim de mundo, a tasca, a fazenda, a picada. Que afinal só reconsiderou quando lhe passou a irritação do orgulho tardio. Aquela fotografia pertencia a outra idade; era impossível regressar lá.

angola rural.jpg Nos pensamentos longínquos cheiram-se as cismas fechadas, as sombras das cenas, os retractos de família amarelecidos e até pintalgados pelas moscas, as cuecas dobradas sobre a roupa na cadeira, as calças ao calhas, enrodilhadas com flanelas e lãs da serra, camisolas de lá, um indistinto lugar no meio da floresta ou para lá do fim do mundo, lugares inóspitos.

O Soba T´Chingange

 



PUBLICADO POR kimbolagoa às 13:37
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Setembro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds