Sábado, 10 de Dezembro de 2016
MUXOXO . XLIII

TEMPO COM CINSAS – 10.12.2016  

-Quando os heróis ficam bronze - Faço recursos à imaginação, combatendo o tédio das horas que sempre sobram…

Por

soba0.jpegT´Chingange

Eram cinco horas e cinco minutos da madrugada, já dia aberto, quando me destinei a caminhar na direcção da feirinha, uns bons 40 minutos andando normalmente e, a partir do Bairro Antares. Levei a mochila para no caso de trazer algo de que gostasse e passei pelo canto da Mena, um boteco situado em uma rua de pouco movimento e que dá num grande largo com um campo de futebol pelado. A esta hora a farra já estava nos finalmentes mas ainda havia umas m´boas cusudas fazendo olhos de pôr de sol aos seus pardos companheiros que entrelaçavam palavras com a cachaça pitu ou cerveja skol.

:::::

As caixas de música tocavam baixo dando som ao grande chapéu de lona quadrado e com suas quatro prumadas em tubo galvanizado ocupando de lado a lado de toda a rua. Qualquer motivo é bom para fazer forró, gingar o pandeiro e fazer gatafunhas à preguiça da luz ténue da noite com umas quantas fluorescentes coloridas dando compostura ao cenário.

abac1.jpg Pode ter sido uma festa de aniversário como a de uma qualquer colectividade festejando um evento de sexta-feira que muito provavelmente já vinha de quinta-feira de Nossa Senhora da Conceição com ponte durável até domingo à noite. Interroguei-me se aqueles aparatos teriam a permissão da autarquia e polícia, mas tive de desculpar a minha curiosidade porque em verdade, até tinha um mukifo monobloco de WC assim como os das obras destinado às damas.

:::::

Do outro lado uma caixa feita de tábuas, uma tranca aramada a fazer de trinco, tábuas enquadradas ao calhas espetadas para o ar formando umas ameias inestéticas e pintadas ou caiadas no jeito tosco de quem tem pressa de acabar.  Descrevo ao pormenor para se darem conta que as vontades foram muitas para fazer funcionar o quebra-quebra do xanxado, musiquinha sertaneja de fazer saltitar o gogó da Mena e, no farfalho da vontade do lusco-fusco da meiguice.

mux1.jpgMais além os urubus saltitavam disputando sacos de lixo ali amontoados. Já não se distinguia bem qual o monte a ser levado pelo carro da prefeitura dos demais por ali espalhados, coloridos e entalados no capim parecido com as folhas de caxinde e, destacando-se uns tufos de mamona ou rícino regados com águas escuras que ali desaguavam saídos de descuidados tubos lá mais junto ao lancil, no meio do capim ensarilhado de restos fedorentos. Cumcamano!

::::

Chegado à feirinha de rua, pude ver em uma banca com peixe, umas grandes cavalas pelo que, mandei preparar uma delas e já com o saco bem atado na mochila parei mais á frente para comprar doze bananas pacova de grande porte que me custaram três reais e também dois quilos de feijão de corda mais maxixe, jiló e quiabos.

ramos3.jpg De regresso ao lar da Margarida cativo-me depois do banho no meu cantinho do céu rodeado de samambaias; troco ideias com meus obstinados e silenciosos abismos na perspectiva de dali extrair ausentes sentimentos. Ouço a canção evangélica do Eliseu do dia de seu descanso dando graças a Deus e, entre grossas curiosidades sufoquei o meu espírito num mistério, despojo de intuídas ideias preconcebidas no dito de que “só vemos o que queremos ver”.

:::::

No intuito de mostrar o que ninguém viu antes, comecei a averiguar obsessivamente os segredos de muita gente inteligente que não rouba por vício ou por necessidade mas pelo mau hábito de querer ser rico, dono da vaidade deles e senhores das alheias. E este Brasil esta muito cheio de gente governamental que sempre quer levar a melhor, ficar no beneficio sem quere perder as regalias que a eles próprios atribuíram.

maga2.jpg Cosendo disfarces, ensaio previsíveis alegorias sobre os vícios e infortúnios do passado construindo castelos do meu envenenado orgulho, erigindo uma muralha à volta de estabelecidos conceitos tidos como certos. E, fico na dúvida entre o ser agnóstico ou driblar-me em golpes de liberdade de católico não praticante, uma coisa que nada é. Humilhando-me deliberadamente, faço recursos à imaginação, combatendo o tédio das horas que sempre sobram. Cumcamano!

O Soba T´Chingange



PUBLICADO POR kimbolagoa às 20:23
LINK DO POST | COMENTAR | ADICIONAR AOS FAVORITOS

RELOGIO
TEMPO
Weather Forecast | Weather Maps
Maio 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15

18
19
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


MAIS SOBRE NÓS
QUEM SOMOS
Temos um Hino, uma Bandeira, uma moeda, temos constituição, temos nobres e plebeus, um soba, um cipaio-mor, um kimbanda e um comendador. Somos uma Instituição independente. As nossas fronteiras são a Globália. Procuramos alcançar as terras do nunca um conjunto de pessoas pertencentes a um reino de fantasia procurando corrrigir realidades do mundo que os rodeia. Neste reino de Manikongo há uma torre. È nesta torre do Zombo que arquivamos os sonhos e aspirações. Neste reino todos são distintos e distinguidos. Todos dão vivas á vida como verdadeiros escuteiros pois, todos se escutam. Se N´Zambi quiser vamos viver 333 anos. O Soba T'chingange
Facebook
Kimbolagoa Lagoa

Criar seu atalho
ARQUIVOS

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

TAGS

todas as tags

LINKS
PESQUISE NESTE BLOG
 
CAIXA MUSICAL
ONDE ESTÁS

Sign by Danasoft - Myspace Layouts and Signs

blogs SAPO
subscrever feeds